Casa à Venda

Casa - Ref: 34282

Anunciado há 4 meses

474000 reais
223 m² totais
3 quartos
3 banheiros

O imóvel não está mais disponível? Por favor,

nos avise.

Informação do vendedor

Venda

    Tempo vendendo no Mercado Livre

    5 anos

Ver propriedades

    Código da propriedade

    34282

Simule seu financiamento on-line

NOVO

  • Informe seus dados para simular condições sob medida para você.

  • Receber um contato do parceiro para obter o financiamento.

Trabalhamos comCrediHome

Dicas de segurança

  • A partir de Mercado Libre, não te pediremos senhas, PIN nem códigos de verificação por WhatsApp, telefone, SMS ou e-mail.

  • Verifique se o imóvel existe e desconfie caso digam que precisam vendê-lo ou alugá-lo com urgência.

  • Confira o remetente dos e-mails para ter certeza de que foi enviado por Mercado Libre.

  • Peça o máximo de informações possíveis sobre o imóvel, bem como fotos e/ou vídeos para comprovar sua veracidade.

  • Suspeite se o valor te parecer muito baixo.

  • Não use serviços de pagamento anônimo para pagar, reservar ou antecipar dinheiro antes de ter visto o imóvel.

Localização

R Cadiz, Jardim das Maravilhas, Santo André, São Paulo

Características

Área total223 m²
Área útil223 m²
Quartos3
Banheiros3

Descrição

Sobrado no Jardim das Maravilhas com 3 dormitórios sendo 1 com suíte em piso frio. Sala 2 ambientes em piso e lavabo. Cozinha com copa e armários planejados, lavanderia coberta e quintal com churrasqueira. Entrada lateral, 2 vagas cobertas com portão automático. Imóvel bem localizado. Estuda permuta por apartamentos sem condomínio na região de Utinga e Camilópolis. Origem e resgate histórico O bairro teria surgido, de fato, em 1953 - com os primeiros loteamentos em torno da área. Antes de se tornar o Jardim das Maravilhas, a localidade fazia parte de uma porção de terras divididas e comercializadas como chácaras e sítios. As informações constam na tese de Iberê Luiz Di Tizio. O conteúdo, intitulado, "Santo André causa toponímica na denominação de seus bairros", foi apresentado à Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, em 2009. Como surgiu o nome? Em linhas gerais, a denominação do bairro segue a tendência e conceitos popularmente empregados em outras localidades, que implica na adesão a nomes que remetem "boas características", como pontua Iberê Luiz Di Tizio. Primeiros moradores e habitação Os primeiros habitantes se mudaram para o local que, até então, tornou-se o Jardim das Maravilhas, a partir dos anos 50. Parte dos moradores veio de outras cidades e Estados brasileiros, mas também da própria região do ABC. Loteamentos no bairro O bairro surgiu, de fato, com lotes a preços populares. Havia algumas construções de madeiras. Nos anos 50, período marcado pelos primeiros loteamentos, a localidade ainda mantinha chácaras e sítios, contrapondo o processo de urbanização vivenciado pela cidade de Santo André, que foi emancipada em 1938. Em 1947, por exemplo, conforme depoimento de moradores antigos da região, não havia -sequer -, energia elétrica. As informações constam na tese de Iberê Luiz Di Tizio. Dados atuais O Jardim das Maravilhas conta com cerca de 5.015 habitantes, segundo o Anuário 2015 da Prefeitura de Santo André. As informações foram colhidas em 2014 e trazem dados sociais e econômicos dos bairros do município. Confira abaixo mais informações do levantamento: " Dos 5.015 habitantes, cerca de 2.648 habitantes correspondem à população feminina, bem como, 2.367 habitantes se relacionam à população masculina; " As faixas etárias mais predominantes são: entre 20 a 29 anos (852 pessoas), além de 60 anos ou mais (799 pessoas) e entre 30 a 39 anos (795 pessoas); Alem disso, os outros índices são os seguintes: " Pessoas entre 40 a 49 anos (741 habitantes); " Pessoas entre 50 a 59 anos (669 habitantes); É importante observar, que diferentemente da realidade de muitos bairros, o Jardim das Maravilhas possui uma quantidade de habitantes equilibrada nas faixas etárias que correspondem à população mais ativa e menos ativa (entre 20 a 49 anos, por exemplo, e mais de 60 ... *** Vide referências em www.colonia.com.br/referencias/bairros